fbpx

Como escolher a área de atuação na Advocacia Criminal

Se você decidiu iniciar na Advocacia Criminal, agora você pode pensar em atuar em um determinado nicho da advocacia criminal. Até porque, definir um nicho de atuação dentro da seara criminal significa uma definição ainda maior das prioridades quanto às medidas para prospecção de clientes. A depender do nicho que você escolha, o crescimento da sua advocacia pode ser mais expressivo.

Meu nome é Cris Dupret, sou advogada especialista na área consultiva, principalmente em Execução Penal. Sou fundadora do IDPB e coordeno o Curso Decolando na Execução Penal, que prepara estudantes e advogados em todo o Brasil, capacitando-os para a atuação na Execução Penal. E nesse artigo quero te dar algumas dicas de como definir a sua área de atuação. Vou te dar três sugestões muito interessantes e promissoras. Então, leia até o fim, combinado?

E antes de prosseguirmos, já deixa eu te avisar que de forma gratuita, três vezes por ano, eu realizo a Jornada Começando do Zero na Execução Penal, evento que já transformou a advocacia de milhares de profissionais interessados em um dos nichos que vou te indicar hoje: a Execução Penal. Ao final da Jornada, abro as inscrições para o Curso Completo Decolando na Execução Penal.

Antes de continuar a leitura, veja o que o advogado Ednaldo Menezes, atuante em Campo Grande/ MS, aluno do curso Decolando na Execução Penal diz (Ele conseguiu 10 clientes em 2 semanas):

JORNADA GRATUITA COMEÇANDO DO ZERO NA EXECUÇÃO PENAL (CLIQUE AQUI) – Serão 4 dias de aulas ao vivo, on-line e gratuitas. Ao final da Jornada, serão abertas as inscrições para a próxima turma do Curso Decolando na Execução Penal.

Você precisa de um nicho para chamar de seu

Na minha experiência de mais de 20 anos lidando com a Seara Penal, acompanhei e ainda acompanho muitos advogados e advogadas nessa jornada de formação profissional.

O que percebo é que o advogado que busca exercer uma advocacia mais generalista, raramente percebe um crescimento profissional, seja no valor do seu serviço, seja na sua clientela. E por que isso acontece?

Geralmente, por faltar uma referência específica para o advogado generalista, é bem mais difícil construir uma autoridade e virar uma referência como profissional experiente.

Ter uma área de atuação específica, ao contrário, permite que o advogado seja cada vez mais reconhecido naquilo que faz e por via de consequência, gere uma maior prospecção de clientes.

Observo que a advocacia generalista é uma prática que até pode se sustentar razoavelmente nos primeiros anos, no início da carreira, quando o advogado sequer escolheu ou descobriu o seu nicho de atuação, ou então em pequenas cidades, onde pode não valer a pena limitar sua atuação exclusivamente a uma área específica. Mas com o tempo, para crescer, geralmente é fundamental nichar.

O ideal é que você já inicie na advocacia criminal atuando em um determinado nicho, para que desenvolva autoridade no assunto, seja reconhecido em sua região, possa valorizar seu trabalho em termos de honorários. Enfim, há uma série de vantagens na advocacia de nicho.

Como escolher o nicho de atuação

Muitos alunos e alunas me perguntam como escolher o nicho de atuação e eu sempre ressalto que, isso pode acontecer de forma super natural.

Algumas vezes, você que ainda está atuando de forma “generalista”, consegue um resultado positivo em uma ação específica, consequentemente, seu cliente te indica para amigos, a partir disso outros bons resultados acontecem, mais indicações surgem e, quando você menos espera, a vida te conduziu para aquele determinado nicho.

Assim, observando as suas vivências profissionais, você percebe que além de conseguir bons resultado naquela área, também gosta e sente prazer em atuar naquele tema, adota aquele nicho e começa a realmente se especializar nele.

Mas você também pode escolher um determinado nicho pouco explorado no mercado jurídico da sua região e que pode te proporcionar segurança financeira e satisfação em atuar naquela área.

A ideia de definir um nicho de atuação dentro da advocacia criminal gera a possibilidade maior de identificação das medidas para prospecção de clientes, pois, sabendo em qual nicho você atua, sabe-se quem é o potencial cliente. Essa pode ser uma boa estratégia para alavancar sua carreira na prática penal.

É certo que, na Advocacia Criminal, você poderá ter acesso a muitas oportunidades, a depender do nicho escolhido.

Sugestão de nichos para uma Advocacia Especializada

A Execução Penal é uma das partes menos estudadas pelos Advogados Criminalistas, apesar de ser extremamente importante, pois trata-se de uma fase em que o cliente geralmente está privado da liberdade, podendo ocorrer violação de seus direitos.

E nesta fase, a importância da atuação do Advogado Criminalista consiste, sobretudo, na garantia de todos os direitos do seu cliente que se encontra preso ou internado.

Se você está buscando um nicho dentro da Advocacia Criminal para atuar, ser especialista em execução penal pode ser um caminho próspero, já que existe pouca oferta no mercado, ou seja, existem poucos especialistas neste nicho.

Caso você decida se especializar em Execução Penal, participe da Jornada e tenha a oportunidade de fazer parte da próxima turma do Curso Completo Decolando na Execução Penal.

Além desse nicho, também temos outros bem específicos e que estão em crescimento. Você já ouviu falar em advocacia investigativa?

Há casos em que o cliente não pode apenas contar ou depender da investigação em sede policial ou ainda da empregada pelo MP, até porque esse cliente pode estar sendo injustamente acusado de um crime, mas como proceder? É nestas situações que surge a advocacia investigativa.

Escritórios especializados nessa área podem inclusive ter detetives contratados para auxiliarem na investigação. A advocacia investigativa é autorizada pelo Provimento 188/2018, do Conselho Federal da OAB. Recomendo fortemente que você leia mais sobre esse nicho, afinal ele também pode ser uma excelente escolha.

Outra opção é uma advocacia preventiva. Você já ouviu falar em compliance? To comply significa estar em conformidade. Essa vem sendo uma das grandes preocupações de grandes empresas, que organizam setores, que desenvolvem código de ética e que muitas vezes contratam escritórios para que ajudem sua equipe a estar em conformidade, entendendo e seguindo o regramento ético. O compliance também vem sendo utilizado como medida de prevenção criminal, inclusive dentro da administração pública.

Escritórios especializados em compliance podem exercer uma advocacia empresarial e preventiva. Que tal analisar com carinho esse nicho também?

Bem, e qual deles permitiria uma prospecção mais rápida de clientes? Na minha opinião, o nicho da execução penal. Um primeiro cliente bem atendido, rapidamente vai indicar você para vários outros, bem como o Ednaldo explicou mais acima, no vídeo disponibilizado.

Se curtiu esse conteúdo, comente abaixo e dê sugestões de temas que gostariam de ver nos próximos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

INSCRIÇÃO GRATUITA

 

DE 28 DE SETEMBRO A 03 DE OUTUBRO

JORNADA COMEÇANDO DO ZERO

NA EXECUÇÃO PENAL

ASSINE NOSSA NEWSLETTER!

&

Receba Atualização Diária