O que fazer para passar no exame da Ordem?

O que fazer para passar no Exame da Ordem?

O que fazer para passar no Exame da Ordem? Sei o quanto é desafiadora essa fase do estudante de Direito. Por isso, hoje resolvi trazer aqui algumas das orientações que sempre faço aos meus alunos e alunas de Primeira Fase da OAB a respeito de como estudar para a tão temida prova e alcançar a tão sonhada aprovação!

Eu sou a Cris Dupret, professora de Direito Penal e preparo para o Exame de Ordem há mais de 15 anos. Coordeno o Curso preparatório para a Segunda fase em Direito Penal, que já aprovou centenas de alunos. Sei o quanto essa fase pode ser desgastante, por isso quero te orientar e dar algumas dicas preciosas quanto ao tema. Vamos lá?

Comunidade Criminalistas de Elite – (CLIQUE AQUITenha acesso aos Cursos de Prática na Advocacia Criminal, Curso Completo de Direito Penal, Curso de Leis Penais Especiais, Curso de Marketing Jurídico, Prática na Jurisprudência Criminal, além de acessar todas as aulas ao vivo, podcasts e integrar um grupo de whatsapp com interação entre advogados de todo o Brasil.
Curso De Segunda Fase Penal – OAB – Curso completo, com aulas em vídeo de Direito Penal, Processo Penal, elaboração de peças, Leis Especiais, Simulados, Treinos Direcionados de todos os temas, Tutoriais e Material em PDF.

Após muitos anos de experiência na preparação para o exame de ordem, percebi que tão importante quanto o ensinamento do conteúdo de Direito e Processo Penal, é também orientar os candidatos e candidatas a como estudar para as provas de Primeira e Segunda Fases da OAB.

Antes de entrar no tema em si, acho importante sintetizar aqui para você como é a estrutura da prova de Primeira Fase da OAB e o que é exigido dos candidatos e candidatas, caso você ainda não saiba.

Como é a prova de Primeira Fase da OAB

A prova de 1ª Fase do Exame de Ordem possui duração de 05 (cinco) horas e conta com 80 questões objetivas com quatro alternativas cada (A, B, C, D), que abrangem todas as matérias contempladas no edital. As seguintes disciplinas são exigidas:

  • Direito Administrativo;
  • Direito Civil;
  • Direito Processual Civil;
  • Direito Constitucional;
  • Direito Empresarial;
  • Direito Penal;
  • Direito Processual Penal;
  • Direito do Trabalho;
  • Direito Processual do Trabalho;
  • Direito Tributário;
  • Direitos Humanos;
  • Código de Defesa do Consumidor;
  • Estatuto da Criança e do Adolescente;
  • Direito Ambiental;
  • Direito Internacional;
  • Filosofia do Direito;
  • Estatuto da Advocacia;
  • Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

 

Você precisa acertar metade delas, ou seja, quarenta questões, para ser aprovado e se preparar para a segunda fase, essa sim discursiva e especificamente sobre a disciplina que você escolheu ao se inscrever.

Metade das disciplinas cobradas na primeira fase possuem menos de 5 questões cada. Ou seja, as matérias não possuem o mesmo peso para a formação de sua nota final.

Agora vamos as dicas de como estudar para a prova de Primeira Fase da OAB?

Faça um cronograma de estudos e organize-se

Eu sempre digo que, uma preparação para a prova da OAB, tanto primeira quanto segunda fases, sem planejamento é como um “tiro no pé.”

Se você começar a estudar sem seguir um cronograma de estudo, corre o risco de não estudar todos os temas que precisa, ou de não assistir todas as aulas do curso, enfim, você pode se perder e dar mais atenção a um tema específico e até menos relevante, do que outros temas que são mais cobrados na prova.

Então, um cronograma de estudo é essencial para que você abranja em sua preparação todos os pontos importantes para a sua prova de Primeira Fase da OAB.

Além disso, organize também o seu espaço para estudo. Nesse sentido, você precisa estar em um espaço em que se concentre e se dedique exclusivamente à sua aprovação no Exame da Ordem.

Esse lugar pode ser a sua casa, a biblioteca pública da sua cidade ou até mesmo uma sala de estudos privada.

O essencial é que seja um ambiente onde você consiga se concentrar, sem interferências externas. Ah, celulares, grupos de whatsapp e redes sociais devem ficar longe de sua preparação. Foco máximo na aprovação!

Faça o maior número de questões anteriores que conseguir

Estudar a teoria é muito importante. Porém, você precisa aliar a leitura à resolução de questões de provas anteriores. A verdade é que, o estudo da teoria, de nada adianta, se você não compreender a forma como a banca cobra aqueles conhecimentos na prova objetiva.

Além disso, a resolução de questões de provas anteriores também vai ajudá-lo a fixar os conteúdos. A única atenção que você deve ter nesse ponto é nas questões antigas que possam estar desatualizadas. De resto, resolva o maior número de questões que você puder. Assim, você se sentira muito mais seguro para sua prova!

Faça simulados

A realização de simulados é uma das partes mais importantes da sua preparação. Não é simplesmente o mesmo que resolver questões anteriores.

Como o próprio nome indica, simular significa reproduzir as condições a que você se submeterá no dia da prova.

Portanto, faça os simulados levando em consideração o isolamento; o espaço físico; a concentração, a gestão de tempo; com o celular desligado, ou seja, todas as condições como se estivesse no dia prova.

O papel mais importante de um simulado é identificar onde você erra. Portanto, não se preocupe se não souber todas as respostas. A hora de errar é agora!

Pegue provas anteriores e as resolva simulando o dia da prova.

Cuide do seu emocional

Eu sei que esta é uma fase importante da sua vida. Mas, pela minha experiência, percebo que muitos candidatos e candidatas se esforçam tanto para se preparar para essa prova que chegam à exaustão física e emocional, e isto pode te derrubar no meio do caminho da sua aprovação.

Você já conseguiu identificar quais são os fatores que te estressam? Quais os fatores que te relaxam? O que te faz se sentir bem e feliz?

Isso porque descuidar do próprio bem-estar físico e mental prejudica o seu desempenho cognitivo e, consequentemente, diminui as suas chances de reter o conteúdo.

Em outras palavras, quando você estuda estressada (o), por exemplo, isso vai impactar diretamente naquilo que você está aprendendo e memorizando.

Portanto, é importante que você consiga identificar quando não está bem emocionalmente, preferencialmente, antes de começar a estudar, para poder utilizar algumas técnicas, como por exemplo, ouvir uma música clássica para relaxar ou qualquer outra atividade que funcione para você como meditação, um banho quente, etc.

Dê atenção ao seu emocional, pois isso irá afetar diretamente na sua aprendizagem.

É isso! Paciência e dedicação todos os dias para alcançar a “vermelhinha”! A sua aprovação está em suas mãos!

Bom, essas foram algumas dicas de como estudar para a prova da Primeira Fase da OAB que gostaria de te passar para você hoje.

Se curtiu o conteúdo, comente abaixo e dê sugestões de outros temas! Vou adorar ler seu comentário.

 

LIVROS - CRISTIANE dUPRET

CLIQUE NA IMAGEM

Artigos Recentes

Pesquisar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Conheça Todos os Cursos do IDPB