Qual o perfil necessário para ser um advogado criminalista?

Qual o perfil necessário para ser um advogado criminalista?

Qual o perfil necessário para ser um advogado criminalista? Muitos advogados iniciantes se questionam se possuem ou não o perfil necessário para ser um advogado criminalistas de sucesso, porque, afinal de contas, essa não é uma carreira para qualquer um, certo?

Eu sou a Cris Dupret, advogada criminalista consultora, autora de diversas obras jurídicas, pós-graduada em Direito Penal Econômico e Mestre em Direito. Presido o IDPB e sou mentora de centenas de advogados que desejam se especializar em Advocacia Criminal. Assim que eu decidi ingressar na carreira da Advocacia Criminal, me questionei se eu teria o perfil adequado para ser advogada criminalista.

Se você se encontra nesse momento e quer saber qual o perfil ideal de um advogado criminalista, leia esse artigo até o final. Vamos lá?

Se você tem interesse em se especializar em Advocacia Criminal, não deixe de conhecer a nossa Pós-graduação em Prática na Advocacia Criminal, com o estudo estratégico e prático para que você de fato ganhe experiência e segurança na prática da advocacia criminal. CLIQUE AQUI.
Conheça a nossa Pós-graduação do IDPB, 100% virtual, com professores convidados renomados, com o ensino estratégico e focado na prática, reconhecida pela MEC, com disponibilização de amplo material de apoio, com TCC opcional e duração de 6 meses!

Perfil de um advogado criminalista de sucesso

Assim como qualquer outro tipo de preconceito existente na sociedade brasileira, seja racismo, homofobia, transfobia, intolerância religiosa, infelizmente, ainda se fazem presentes preconceitos em relação à profissão da advocacia criminal. Por outro lado, é preciso destacar que o papel que o advogado criminalista exerce na sociedade é fundamental para garantir que a lei seja aplicada de forma justa a qualquer cidadão, culpado ou inocente.

Dentre várias características e atitudes de um competente advogado criminalista, destaquei três das que considero mais importantes para o profissional se destacar na advocacia criminal. Obviamente, essa não é uma verdade absoluta, é apenas a minha opinião sobre o tema. Por isso, é possível que você não possua essas vocações e ainda assim possa alcançar o sucesso dentro da Advocacia Criminal.

Ser empreendedor

Não basta ter conhecimento técnico de Direito Penal, Processo Penal e das ciências criminais como um todo para advogar na área criminal e obter sucesso profissional. É fundamental estar por dentro das tendências do mercado jurídico, principalmente, da sua área de atuação prática e desenvolver a criatividade somada às ferramentas tecnológicas, claro!

Com esse atual cenário competitivo do mundo da Advocacia, é quase impossível alcançar a realização profissional sem pensar em empreender na advocacia criminal. Assim, importante você saber que empreender vai além de ser “dono do seu próprio negócio”, mas é uma questão de visão, de mentalidade.

Assim, empreender juridicamente é, antes de mais nada, ser um “agente explorador de oportunidades no mercado jurídico”, em busca sempre de entender e estudar o mercado no qual está inserido. Ser um advogado criminalista empreendedor é essencial para alcançar o sucesso profissional.

Ser antifrágil e ter inteligência emocional

A antifragilidade trata-se de uma postura voltada a beneficiar-se do caos. A princípio, parece estranha essa afirmação, assim como o próprio nome da obra escrita por Nicholas Taleb, professor do Instituto Politécnico de Nova York, escreve sobre o tema. Em uma breve síntese, ser antifrágil é mais que ser resiliente.

O advogado resiliente simplesmente aceita as dificuldades. A resiliência é uma postura mais passiva, enquanto a antifragilidade possibilita novas perspectivas e atitudes diante de adversidades.

A antifragilidade demonstra uma característica pela qual as adversidades não são superadas pela reação, mas sim pelo entendimento do contexto das adversidades e um constante aprendizado, procurando entender o que se passou, aprendendo com os erros e evoluindo continuamente, de forma a se colocar em uma posição proativa e consciente.

O advogado antifrágil, por exemplo, visualiza no período da pandemia, uma nova perspectiva de atuação, diante de problemas como a necessidade de reavaliação de situações prisionais, adotando a postura ativa de agir nesses casos, tendo a possibilidade de atendimento de mais clientes.

Além disso, atuar na Advocacia Criminal, onde a sua atuação prática no processo penal pode ser decisiva na vida das pessoas, é algo muito sério. O advogado criminalista enfrenta desafios que pode causar tensão e estresse em muitos profissionais.

Nesse sentido, ter inteligência emocional é um diferencial importante para os advogados criminalistas. Saber lidar com os casos mais desafiadores e separar o trabalho da vida pessoal é essencial para sua qualidade de vida e obter sucesso na carreira.

Ser apaixonado pela Advocacia Criminal

Por último, mas não menos importante é amar as ciências criminais. Trabalhar com o que se ama e tem paixão é a melhor característica de um advogado criminalista. Quando você é apaixonado pelo que faz, você não desiste facilmente quando enfrenta obstáculos e desafios que a profissão pode impor.

Além disso, quando amamos a nossa profissão, o trabalho é um grande prazer e não uma simples obrigação! Isso contribui para que a sua mentalidade esteja mais aberta ao desenvolvimento de soluções inovadoras e à criatividade, bem como auxilia no desenvolvimento de habilidades como a sensibilidade em relação aos seres humanos para quem você irá trabalhar.

Amar a Advocacia Criminal é amar o ser humano. Se preocupar com cada cliente, seus familiares, seu futuro, ou seja, não apenas cumprir com o seu papel de representar alguém em um processo penal, mas ir além disso e sentir a dor do outro como se fosse a sua. Esse pode ser um grande diferencial para o profissional da área penal. Nunca deixando o profissionalismo de lado, claro.

Bom, espero ter contribuído com você que está pensando em iniciar na Advocacia Criminal. Claro que existem muitas outras características importantes para você alcançar o sucesso na Advocacia Criminal.

Diariamente, eu posto esses conteúdos aqui no intuito de te ajudar nesse desafio de melhorar a sua atuação nessa área penal. Então, não deixe de me acompanhar aqui e nas minhas redes sociais.

O Instituto Direito Penal Brasileiro, como Instituição de Ensino, já auxiliou na formação de mais de dois mil advogados, notadamente nos aspectos práticos da Advocacia Criminal. Agora, o IDPB firmou uma parceria com a Faculdade Internacional Signorelli, que possui todos os cursos de pós-graduação reconhecidos e cadastrados no sistema e-MEC.

Bom, se você tem interesse em se especializar em Advocacia Criminal e está procurando uma Pós-graduação em prática na Advocacia Criminal, conheça a Pós-graduação do IDPB, 100% virtual, com professores convidados renomados, com o ensino estratégico e focado na prática, reconhecida pela MEC, com disponibilização de amplo material de apoio, acesso completo a mais de 1800 obras de direito da Saraiva, com TCC opcional e duração de 6 meses!

Clique aqui!

 

LIVROS - CRISTIANE dUPRET

CLIQUE NA IMAGEM

Artigos Recentes

Pesquisar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Conheça

o curso